Agência de publicidade Mokeka | Atibaia

ESG: o futuro sustent√°vel das empresas

Em um mundo em constante mudan√ßa, as empresas enfrentam desafios cada vez mais complexos, desde a volatilidade dos mercados financeiros at√© as demandas em constante evolu√ß√£o dos consumidores. Nesse cen√°rio, a agenda ESG – que engloba quest√Ķes ambientais, sociais e de governan√ßa – emerge como um farol orientador para empresas de todos os setores, tamanhos e geografias.

ESG: o que significa e por que importa?

A sigla “ESG” representa tr√™s dimens√Ķes cruciais para empresas modernas:

  1. Ambiental: refere-se ao impacto ambiental de uma empresa, incluindo suas práticas de sustentabilidade, gestão de resíduos, pegada de carbono e esforços para preservar recursos naturais.
  2. Social: envolve o compromisso de uma empresa com quest√Ķes sociais, como diversidade e inclus√£o, direitos dos funcion√°rios, responsabilidade social corporativa e contribui√ß√Ķes para as comunidades locais.
  3. Governança: relaciona-se com a estrutura de governança de uma empresa, a qualidade de suas práticas de gestão e transparência financeira, bem como a independência de seus conselhos de administração.

Em 2023, o ESG transcendeu a categoria de tend√™ncia e solidificou-se como um imperativo empresarial global. A pesquisa “Global Reporting and Institutional Investor Survey” da EY destaca que 99% dos investidores consideram as divulga√ß√Ķes ESG essenciais em suas decis√Ķes de investimento. Essa tend√™ncia n√£o se limita a empresas ambientalmente focadas; alcan√ßa todos os setores, desde tecnologia at√© manufatura.

Relatórios ESG transparentes

Relatórios ESG transparentes são um elemento crítico da comunicação sobre as práticas ambientais, sociais e de governança de uma empresa. Para empresas comprometidas com o ESG, esses relatórios são uma janela para o mundo, revelando o que estão fazendo para promover a sustentabilidade e o bem-estar das partes interessadas.

Esses relat√≥rios n√£o s√£o apenas uma exig√™ncia regulat√≥ria, mas uma oportunidade de ouro para contar a hist√≥ria da empresa. Eles devem ser abrangentes, detalhados e acess√≠veis a todos os p√ļblicos, desde acionistas a consumidores e comunidades locais.

A transpar√™ncia significa n√£o apenas listar as iniciativas ESG, mas tamb√©m fornecer dados concretos e mensur√°veis sobre o progresso. Por exemplo, em vez de simplesmente afirmar que a empresa est√° reduzindo emiss√Ķes de carbono, o relat√≥rio deve fornecer n√ļmeros espec√≠ficos, como a quantidade de emiss√Ķes reduzidas e os m√©todos utilizados para alcan√ßar esses resultados.

Os relatórios ESG devem incluir metas de longo prazo e benchmarks de desempenho. Isso permite que as partes interessadas avaliem o compromisso real da empresa com a sustentabilidade e monitorem seu progresso ao longo do tempo.

Além disso, esses relatórios podem destacar histórias de sucesso e iniciativas inovadoras, demonstrando como a empresa está fazendo a diferença no mundo. Isso não só reforça o compromisso ESG da empresa, mas também inspira outras a seguir o exemplo.

ESG: a diferença entre sobreviver e prosperar

Os dados da pesquisa tamb√©m mostram que 78% dos investidores acreditam que as empresas devem investir em quest√Ķes ESG, mesmo que isso resulte em lucros reduzidos a curto prazo. Isso reflete uma compreens√£o crescente de que o ESG n√£o √© apenas sobre responsabilidade social, mas tamb√©m sobre criar neg√≥cios resilientes a longo prazo.

LEIA TAMB√ČM:  Insights baseados em dados

No entanto, existe um descompasso not√°vel entre investidores e l√≠deres financeiros das empresas. Apenas 55% dos l√≠deres financeiros acreditam que suas empresas devem abordar quest√Ķes ESG, mesmo que isso afete negativamente o desempenho financeiro a curto prazo. Isso destaca a necessidade de uma maior conscientiza√ß√£o e alinhamento dentro das organiza√ß√Ķes.

Investidores e comunicação

Os investidores estão desempenhando um papel cada vez mais importante no mercado financeiro global. Eles buscam empresas que não apenas persigam lucros, mas que também incorporam práticas sustentáveis e responsáveis em seus modelos de negócios.

A comunicação desempenha um papel crucial na interação entre empresas e investidores. Aqui estão algumas maneiras pelas quais essa comunicação é fundamental:

  1. Transpar√™ncia e relat√≥rios: investidores exigem transpar√™ncia. Eles querem relat√≥rios detalhados sobre as iniciativas e o desempenho de uma empresa em rela√ß√£o √†s quest√Ķes ESG. Uma comunica√ß√£o eficaz inclui relat√≥rios claros e bem estruturados que destacam os esfor√ßos da empresa nessas √°reas.
  2. Compromisso de longo prazo: Investidores geralmente têm horizontes de investimento de longo prazo. Comunicar metas e estratégias de ESG de longo prazo pode atrair esses investidores, que buscam empresas comprometidas com o desenvolvimento sustentável a longo prazo.
  3. Narrativa de impacto: a comunica√ß√£o eficaz n√£o se trata apenas de n√ļmeros e estat√≠sticas. √Č sobre contar uma hist√≥ria convincente sobre o impacto que a empresa est√° tendo no mundo, como est√° abordando quest√Ķes sociais e ambientais e como est√° contribuindo para um futuro melhor.
  4. Engajamento ativo: empresas que se envolvem ativamente com investidores, respondendo a perguntas e preocupa√ß√Ķes, demonstram compromisso genu√≠no. A comunica√ß√£o bidirecional √© fundamental aqui.
  5. Responsabilidade e conformidade: investidores também estão atentos à conformidade regulatória e a problemas de responsabilidade. Comunicar práticas sólidas de governança e conformidade ajuda a construir confiança.

Em outras palavras, a comunicação é essencial para atrair e manter o interesse dos investidores, que estão moldando cada vez mais o mercado financeiro global com sua ênfase em investimentos sustentáveis e socialmente responsáveis.

Empresas comprometidas em medir e relatar dados ESG

O Gender Reporting Framework da Bloomberg tem sido uma ferramenta essencial para empresas comprometidas em medir e relatar dados ESG (Ambiental, Social e de Governan√ßa), com foco em quest√Ķes de g√™nero. A edi√ß√£o de 2023 abrange 484 empresas com uma capitaliza√ß√£o de mercado combinada de US$ 16 trilh√Ķes, representando 45 pa√≠ses e 11 setores diferentes.

Este framework compreende 70 perguntas que abrangem métricas relacionadas a liderança e pipeline de talentos, remuneração de gênero, cultura inclusiva, políticas anti-assédio sexual e imagem externa. O GEI Score, que avalia o nível de divulgação e excelência de dados, é uma métrica importante.

O destaque deste ano √© o aumento significativo no n√ļmero de empresas que divulgaram seus dados para o √≠ndice GEI, indicando um crescente compromisso com a igualdade e a transpar√™ncia de g√™nero nos neg√≥cios.

O √≠ndice revela que empresas est√£o focadas em diversas √°reas, desde a inclus√£o de mulheres nos conselhos de administra√ß√£o at√© estrat√©gias de recrutamento para aumentar as contrata√ß√Ķes de mulheres. Tamb√©m est√£o realizando auditorias de igualdade salarial, divulgando estat√≠sticas sobre diferen√ßas de remunera√ß√£o de g√™nero e oferecendo op√ß√Ķes de trabalho flex√≠veis para seus funcion√°rios.

LEIA TAMB√ČM:  Como o branded content impulsiona marcas

Além disso, as empresas associadas ao índice GEI estão comprometidas em apoiar suas comunidades, com programas de educação financeira e programas dedicados à educação das mulheres.

Este índice é uma ferramenta valiosa para investidores, permitindo que eles avaliem como as empresas investem em igualdade de gênero e como contribuem para comunidades inclusivas. A divulgação de dados ESG transparentes e o compromisso com a diversidade são cada vez mais essenciais no mundo dos negócios.

Uma quest√£o de maturidade de mercado

De acordo com Leonardo Dutra, sócio líder de serviços na área de Mudanças Climáticas e Sustentabilidade da EY para o Brasil, esse descompasso reflete a maturidade do mercado. Ou seja, em mercados mais maduros, investir em ESG é percebido como uma estratégia que oferece proteção de negócios a longo prazo e mitigação de riscos.

No entanto, em mercados menos maduros, o foco tende a ser nas press√Ķes de curto prazo dos investidores, o que pode dificultar o investimento em sustentabilidade. O desafio est√° em encontrar um equil√≠brio entre o crescimento a longo prazo e os resultados imediatos.

O caminho de m√£o √ļnica para o sucesso empresarial

Em 2023, o ESG não é apenas uma opção; é um caminho essencial para o sucesso das empresas. Empresas que investem em práticas ambientais, sociais e de governança sólidas estão melhor posicionadas para enfrentar os desafios do mundo atual e construir um futuro sustentável.

Assine nossa newsletter para se manter atualizado sobre o cen√°rio ESG e seu impacto nas decis√Ķes de investimento. √Č hora de alinhar foco, responsabilidade e transpar√™ncia em rela√ß√£o √†s quest√Ķes ESG.


Fontes:

Revista Exame: ESG direciona decisão de 99% dos investidores no Brasil. Acesso realizado em 22 de setembro de 2023, às 15h22.

Consumidor Moderno: Empresas estão cada vez mais comprometidas em relatar dados ESG. Acesso realizado em 22 de setembro de 2023, às 16h42.