AgĂȘncia de publicidade Mokeka | Atibaia

AnĂșncio em vĂ­deo
AnĂșncio em vĂ­deo

AnĂșncio em vĂ­deo

O anĂșncio em vĂ­deo Ă© uma ferramenta que deve ser considerada no planejamento de campanha. É uma ferramenta que converte e ajuda a construir a sua marca.

Dados do anĂșncio em vĂ­deo

Os aparelhos de TV estão presentes em mais de 95% dos lares brasileiros. Mas hå uma grande diferença na presença dos aparelhos entre as regiÔes do país. Enquanto a região norte possui 91,6% das casas com aparelhos, a região sudeste tem 97,7% dos lares com pelo menos um aparelho de TV.

Por outro lado, a internet estĂĄ presente em mais de 82% das residĂȘncias no Brasil. E o acesso, assim como a TV, concentra-se nas regiĂ”es mais populosas. AlĂ©m disso, o celular Ă© o aparelho mais utilizado para acessar a internet.

Como resultado, o consumo de vídeo, na TV ou na internet, representa quase 100% de toda a população. Ou seja, TV, streaming, redes sociais e até mesmo vídeos-chamadas impactam as pessoas.

Comportamento do consumidor

O consumo de vĂ­deo gratuito no Brasil, em qualquer plataforma, Ă© maior em relação a outros paĂ­ses. Entretanto, segundo o Kantar IBOPE Media, a televisĂŁo continua sendo a principal mĂ­dia que o brasileiro assiste. Em mĂ©dia, o pĂșblico fica mais de 7 horas por dia na frente da TV. JĂĄ o consumo de streaming passa de 1 hora e 40 minutos.

Aqui, vale destacar que no digital, o YouTube Ă© o canal mais assistindo, seguido por Netflix e Amazon Prime. O streaming atrai o interesse das pessoas devido ao formato dos conteĂșdos que as plataformas oferecem.

Por outro lado, as lives que fizeram muito sucesso no inĂ­cio da pandemia, perderam sua relevĂąncia no digital. Por ser um produto de consumo momentĂąneo, nĂŁo conseguiram engajar o pĂșblico por um longo perĂ­odo.

LEIA TAMBÉM:  Publicidade Ă© o tempero da marca

É possĂ­vel observar, tambĂ©m, a diferença entre as faixas etĂĄrias no consumo de vĂ­deos. Enquanto os jovens entre 16 e 35 anos sĂŁo heavy users de plataformas de streaming. JĂĄ o pĂșblico maduro, acima de 58 anos, prefere a TV a cabo. E, a faixa etĂĄria entre 46 e 55 anos assistem Ă  TV aberta.

Qual estratĂ©gia usar no anĂșncio em vĂ­deo

Para atingir o objetivo da campanha, pode ocorrer do anĂșncio em vĂ­deo nĂŁo se encaixar na estratĂ©gia da marca. Entretanto, vale ressaltar a importĂąncia do seu uso, uma vez que para contar uma histĂłria, a penetração da mensagem Ă© mais forte. Isso acontece devido ao uso dos nossos sentidos.

Mas, voltando Ă  estratĂ©gia para usar o anĂșncio em vĂ­deo, podemos dividir os filmes publicitĂĄrios em 2 modelos:

AnĂșncio institucional: sĂŁo os filmes que contam a histĂłria da marca, seus principais valores e sua missĂŁo. Os seus principais objetivos sĂŁo: tornar conhecida, gerar lembrança e manter a marca na mente do consumidor.

AnĂșncio promocional: esses filmes ajudam a promover uma ação que tenha como objetivo acelerar as vendas, promover algum produto ou escoar o estoque da empresa.

Criatividade no anĂșncio em vĂ­deo

Use a criatividade para criar os anĂșncios em vĂ­deo. Conte uma histĂłria que prenda a atenção de quem estĂĄ assistindo e nĂŁo interrompa o entretenimento do consumidor com algo que nĂŁo o agrade. Defina o conceito, monte a histĂłria em um storyboard, crie o texto e as falas dos personagens. Seja original.

Criar um anĂșncio em vĂ­deo hoje faz a sua marca alcançar o seu pĂșblico e aumentar a interação com a sua marca. Use e abuse da criatividade para falar com o seu cliente.