Agência de publicidade em Atibaia | Mokeka

Agência Mokeka | quarta-feira, 24/outubro/2018

O consumidor on-line demostra o sentimento que tem sobre a marca, seja ele positivo ou negativo. A frase “falem mal, mas falem de mim” não funciona na internet. Toda marca quer que o consumidor fale bem dela.

On-line, palavra muito utilizada nos dias atuais. Todos estão conectados, estão presentes. Possuem voz ativa.

On-line

As redes sociais tem um papel muito importante ao falar com o consumidor. As ações on-line para essas ferramentas devem ser muito bem planejadas e, principalmente, executadas. Ninguém gosta de ter o seu espaço invadido ou o prazer interrompido. Tem que ter cuidado e ser propício ao momento.

 

Várias redes sociais fazem parte de nossas vidas on-line: facebook, twitter, pinterest, instagram, linkedin, foursquare entre muitas outras redes que existem ou deixaram de existir. E cada uma exige um planejamento, uma ação e uma execução diferente. Evite utilizar a mesma linguagem nessas ferramentas. Cada uma tem uma característica e, por isso, deve ser tratada de maneira diferente. Aqui entra o entendimento de como o consumidor age e reage e utiliza cada uma delas. Publicidade é entender o consumidor.

 

On-line não é apenas rede social

As ações on-line não estão restritas somente às redes sociais. Os dispositivos móveis (smartphones e tablets), que a cada dia tem maior participação nas mãos do consumidor, com seus apps e conectividade, servem como meios de comunicação para falar com o ele. Esses dispositivos geram uma interação maior entre a marca e o consumidor. A integração das ações e meios de comunicação são mais presentes nos planejamentos das marcas.

 

Para aquele consumidor que está na rua, ou sem energia elétrica, acabou a bateria do dispositivo móvel, não se importa muito com a internet (caso raro) e suas redes sociais ou não pode acessá-las por diversos motivos, a maneira para atingi-lo é pensar e executar as ações off-line.

 

O consumidor não está apenas on-line

Anúncios em jornal, revista, outdoor, rádio, TV, etc continuam sendo muito importantes. E aqui voltamos a falar: o importante é entender como o consumidor pensa, age e reage ao que é falado, transmitido. Isso ao falarmos das ações conhecidas como convencionais. As ações de intervenção urbana atraem a atenção do consumidor, porque elas vão ao encontro do público onde quer que ele esteja. Esse público deve perceber a marca como única, lembrar dela e, mais que tudo, deseja-la.

Entenda o passo-a-passo para definir o seu público-alvo

 

Publicidade não tem fórmula, o consumidor é diferente e convergente. As ações que foram feitas ontem podem não ter o mesmo efeito hoje. As marcas devem reciclar, repensar e ir além do convencional. Precisam estar preparadas para ouvir os seus consumidores, interagir com eles e, também, saber falar com eles.

 

Atente-se ao seu consumidor. É nele que você deve pensar antes de executar qualquer ação.

Por: Agência Mokeka


Itens


Sabemos muito bem como dar mais sabor para a sua empresa. Entre em contato.

(11) 2427-5938

Rua Clóvis Soares, 850 - sala 2

Alvinópolis - Atibaia/SP

Bem pertinho de São Paulo.